Rádio Panorama FM 87,9

LATEST NEWS

Filho do prefeito de Itabuna é preso por crime de homicídio

O filho do prefeito de Itabuna, Markson Monteiro de Oliveira, conhecido como Marcos Gomes, foi preso hoje, dia 20, em operação realizada pelo Ministério Público estadual. Havia contra ele um mandado de prisão preventiva em aberto, expedido em uma ação penal em que ele foi condenado a 13 anos de reclusão pela prática de um homicídio qualificado, ocorrido em 02 de dezembro de 2006, na zona rural do município de Ibicaraí, tendo como vítima Alexandre Honorato de Souza. A diligência ocorreu em cumprimento a decisão do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, proferida na ação penal ajuizada pelo MP.

Chacina deixa 4 mortos em Serra Preta

Quatro pessoas foram mortas na zona rural de Serra Preta, distante cerca de 160 km de Salvador, na manhã desta terça-feira (20/10).

As vítimas foram identificadas como Einan Duarte, de 19 anos, o irmão dele, Eiran Duarte, 21 anos, Kelvys Silva Santana, 19 anos, e Deivid Luis dos Santos, 26 anos. Eles foram levados do distrito do Bravo, com as mãos e os pés amarrados, para a localidade de Limoeiro, que fica próximo ao município de Ipirá.

Os corpos foram localizados por policiais da 57ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da região, que será responsável por apontar as causas da morte. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Estado nomeia 183 novos profissionais para a Polícia Civil

O Governo do Estado nomeia neste sábado 183 novos profissionais na área de segurança pública na Bahia. De acordo com decreto estadual, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), passam a integrar os quadros da Polícia Civil 12 delegados, 161 investigadores e dez escrivães aprovados em concurso público para o órgão.

Esta é a primeira nomeação para a Polícia Civil da Bahia referente ao último concurso público do órgão, em agosto do ano passado. O certame foi organizado pela Fundação para o Vestibular da Universidade Júlio de Mesquita Filho – Fundação Vunep, contratada pela Saeb.

Papa usa máscara pela primeira vez em público

O papa Francisco usou uma máscara em público pela primeira vez nessa terça-feira (20), quando ele e outros líderes religiosos participaram de um culto pela paz no mundo.

O papa usou uma máscara branca durante a cerimônia na Basílica de Santa Maria em Aracoeli, em Roma. Anteriormente ele havia usado uma máscara somente dentro de um carro que o levou a suas audiências semanais no Vaticano.

Francisco vinha sendo criticado, particularmente nas redes sociais, por não usar a proteção em suas audiências gerais e, por algumas vezes, chegar relativamente perto de visitantes.

O papa, de 83 anos, participou da cerimônia de ontem ao lado de outros líderes religiosos, incluindo o patriarca Bartolomeu, líder espiritual dos cristãos ortodoxos.

Ao mesmo tempo, em outros locais de Roma, judeus rezavam na sinagoga da cidade e líderes budistas, sikhs e muçulmanos também oravam pela paz.

O evento acontece em meio à forte alta dos casos positivos do novo coronavírus na Itália, nas últimas semanas.

Também houve um pico relativamente pequeno no Vaticano, onde quatro membros da Guarda Suíça, corporação de elite que usa roupas coloridas e é responsável por proteger o papa, tiveram testes positivos para a doença.

O evento anual foi iniciado pelo papa João Paulo II e pela comunidade católica romana de Sant’Egido em 1986. O evento teve seu tamanho reduzido neste ano por causa da pandemia.

Assim como os demais líderes religiosos presentes, Francisco só retirou sua máscara quando leu uma mensagem, mas a colocou novamente ao terminar de falar.

No Engenho Velho de Brotas, jovem de 20 anos é executado a tiros

Um jovem identificado como Jonatham Gabriel Souza Alves foi assassinado na noite de terça-feira (20/10), no bairro do Engenho Velho de Brotas, em Salvador. O crime aconteceu por volta das 21h, na Rua Almirante Alves Câmara.

Em nota enviada ao Informe Baiano, o Departamento de Comunicação Social da Polícia Militar (DCS-PM) relatou que a 26ª CIPM atendeu a ocorrência e no local, a guarnição constatou a morte de um homem de 20 anos por disparos de arma de fogo em via pública.

“Após constatar a veracidade do fato, a guarnição isolou a área e acionou o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) para realização de perícia e remoção do corpo. Autoria e motivação serão investigadas pela Polícia Civil”, diz comunicado do DCS.

Dois suspeitos morrem após confronto com a polícia no bairro de Sussuarana, em Salvador

Dois homens morreram após confronto com a Polícia Militar, na madrugada desta quinta-feira (15). O caso aconteceu na rua Aírton Senna, no bairro de Sussuarana, em Salvador.

Junto com os acusados, os policiais encontraram uma pistola calibre 380, um revólver calibre 38, munições, 123 pinos de cocaína, porções de maconha, R$ 13 mil em dinheiro e, no perímetro da troca de tiros, foram encontrados dois coletes anti-balísticos.

De acordo com informações da PM, policiais faziam ronda na região, por volta de 2h, quando observaram, no Parque Jocélia, um grupo com pelo menos quinze suspeitos armados. Ao perceber a chegada da polícia, o grupo atirou contra os agentes.

Houve troca de tiros e, ao cessar os disparos, os militares encontraram dois indivíduos caídos no chão. Eles foram socorridos para o Hospital Roberto Santos, mas não resistiram. Os outros suspeitos fugiram. A ocorrência foi registrada na corregedoria Geral da PM.

Operações conjuntas entre PF e CGU apontam prejuízos de R$ 1,1 bi

O ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, disse nesta quinta-feira (15) que 67 operações conjuntas realizadas este ano em parceria com a Polícia Federal (PF) indicam que houve um prejuízo estimado de R$ 1,1 bilhão aos cofres públicos. Segundo ele, entre as operações, 29 tiveram iniciativa na própria CGU, 29 na PF e nove no Ministério Público.

Ao participar da live semanal do presidente Jair Bolsonaro, Rosário afirmou que a controladoria monitora atualmente contratos dos estados, de 279 municípios, o que inclui todas as cidades com mais de 500 mil habitantes e com maior quantidade de recursos, além de todos os contratos do governo federal. “Está no radar. Todos os dias, a gente atualiza os dados.”

Ainda segundo o ministro, foram 39 operações conjuntas para apurar o desvio de recursos destinados especificamente ao combate à pandemia de covid-19 e que representam um prejuízo estimado de R$ 700 milhões. “É pouco perto do quantitativo de recursos repassados, mas a gente está acompanhando com olho atento”.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, também durante a live, explicou que a CGU verifica possíveis indicativos de fraudes, comunica à Polícia Federal e se inicia um processo de análise de tudo o que está acontecendo. “Esses recursos são passados aos estados e a gestão, a responsabilidade pela aplicação desses recursos é dos estados”, explicou Mendonça. “Lamentavelmente, autoridades dos estados, segundo apurações e investigações feitas pela Polícia Federal, pela CGU, pelo Ministério Público, com aprovação e acompanhamento do Judiciário, [fazem] aplicação irregular desses recursos”.

Operação Desvid-19

Ainda durante a live, o presidente Jair Bolsonaro disse que a investigação envolvendo o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) não tem vinculação com o governo federal. O parlamentar foi um dos alvos da Operação Desvid-19, que apura supostos desvios de recursos provenientes de emendas parlamentares destinados à Secretaria de Saúde de Roraima para o combate à pandemia.

“Esse senador desse caso em Roraima era uma pessoa que gozava do prestígio e do carinho de quase todos e eu nunca vi ninguém falar nada contra ele. Aconteceu esse caso, lamento. Hoje, ele foi afastado da vice-liderança. Agora, querer vincular o fato dele ser vice-líder à corrupção do governo não tem nada a ver”, afirmou o presidente.

Bolsonaro voltou a dizer que, até o momento, não há casos de corrupção no governo federal e que, se houver, haverá investigação. “Pode acontecer corrupção no meu governo? Pode. E nós vamos tomar providência. Esse caso não tem nada a ver com o meu governo. Repito: o meu governo são os ministros, estatais e bancos oficiais”.

CBF escala trio carioca para arbitragem de Goiás x Bahia nesta sexta

O Bahia volta a campo nesta sexta-feira (16). Fora de casa, o Tricolor enfrenta o Goiás às 20h, no Estádio da Serrinha.

A arbitragem da partida será carioca. A CBF escalou o árbitro central Rodrigo Carvalhaes de Miranda.

O profissional, de 40 anos, já trabalhou em dois jogos do time baiano na Série A. Em 20 de agosto, ele apitou o empate de 1 a 1 com o São Paulo, no Morumbi. Já no dia 13 de setembro, ele foi o árbitro de vídeo da derrota para o Atlético-GO, em Pituaçu.

Como assistentes, Carvalhaes terá os também cariocas Thiago Henrique Neto Correa Farinha e Daniel do Espírito Santo Parro. Pathrice Wallace Corrêa Maia, também do Rio de Janeiro, será o VAR e terá o auxílio de Alisson Sidnei Furtado (TO) e Cals Henrique Cardoso de Souza (RJ).