Rádio Panorama FM 87,9

LATEST NEWS

Nesta quarta-feira (13), Lauro de Freitas aplica 2ª dose da Astrazeneca

Nesta quarta-feira (13), pessoas com a data da 2ª dose da Oxford/Astrazeneca marcada para até dia 31 de outubro serão imunizadas em Lauro de Freitas. A vacinação tem início às 8h e segue até 12h em todos os drives do município.

Para ser vacinado, é necessário apresentar documento de identificação com foto e o cartão de vacinação com o registro da 1ª dose. Pessoas com sintomas gripais, como febre e coriza, não poderão receber a proteção.  

A vacina acontece simultaneamente nos drives do Ginásio de Esportes do Aracuí (Centro), no Colégio Dois de Julho (Itinga), na Associação de Moradores de Areia Branca e no Terminal Rodoviário de Portão.  

Em Lauro de Freitas, 88 mil pessoas acima de 18 anos já completaram o ciclo vacinal com a 2ª dose ou dose única de um dos imunizantes. Esse número equivale a 58,8% do público-alvo. 




Bombeiros procuram homem que desapareceu ao nadar em praia da região metropolitana de Salvador

Bombeiros atuam para encontrar homem que desapareceu após entrar no mar na praia de Ipitanga — Foto: Reprodução/TV Bahia

Um homem de 37 anos desapareceu enquanto nadava na praia de Ipitanga, em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador. Ele foi visto pela última vez tomando banho de mar, na tarde de terça-feira (12).

Segundo informações do Grupamento de Bombeiros Militar (Gmar), as buscas foram iniciadas por volta das 14h30 e seguiram até as 18h, porém, o homem não foi localizado. As atividades serão retomadas na manhã desta quarta-feira (13).

No domingo (10), um garoto de 16 anos morreu afogado em São Tomé de Paripe, na orla de Salvador. De acordo com a Salvamar, somente no mês de setembro de 2021 foram contabilizados 164 afogamentos na capital baiana.

Foi o segundo mês com maior número de ocorrências no ano, atrás somente de janeiro, quando foram registrados 175 casos.

Vitória quebra jejuns, vence Sampaio Corrêa e respira na luta contra o Z-4

O Vitória voltou a marcar um gol após seis jogos, voltou a vencer após sete e ganhou fôlego na luta contra o rebaixamento da Série B. Eduardo foi o autor do tento que garantiu o triunfo por 1 a 0 contra o Sampaio Corrêa, no estádio Castelão, em São Luís (MA), nesta terça-feira (12). 

O resultado mantém o Rubro-Negro baiano na 18ª colocação, agora com 29 pontos. São três a menos que o Brusque, que joga na próxima sexta-feira (15), contra o Remo, em Santa Catarina. 

O Leão vira a chave na próxima terça-feira (19), às 21h30, para iniciar sua caminhada nas eliminatórias da Copa do Nordeste. A equipe enfrentará o Itabaiana-SE, responsável por eliminar o Bahia de Feira nos pênaltis, no Barradão. O jogo deve marcar a volta do torcedor rubro-negro ao estádio. Pela Série B, o Vitória volta a campo no dia 23 de outubro, contra o Brasil de Pelotas, também em Salvador. 

Fonte Nova vai receber dois shows internacionais e negocia um terceiro, diz diretor

O diretor comercial da Arena Fonte Nova, Alexandre Gonzaga, disse, em entrevista ao BNews Agora, na Piatã FM, nesta terça-feira (120, que o estádio vai receber dois shows internacionais em 2022 e negocia um terceiro. Um deles já havia sido confirmado, a apresentação da banda A-ha.
Gonzaga não revelou os nomes das outras duas atrações, mas disse que uma delas é um artista homem, que também vai se apresentar no Rock In Rio 2022. 
Leia também: Após autorização do governo e prefeitura, Gusttavo Lima fará show no Maracanã
João Gomes leva calote de contratante, mas mantém show no Maranhão em respeito aos fãs
Durante a entrevista, o diretor da Fonte Nova também afirmou que ainda aguarda um posicionamento da organização do Festival de Verão sobre a realização da edição do próximo ano, mas as negociações estão avançadas e o evento deve acontecer.

Bolsa Presença terá investimento de R$ 469 milhões e mais de 421 mil famílias serão beneficiadas

O Governo da Bahia já disponibilizou o sexto crédito do Programa Bolsa Presença, que destina R$ 150 por mês para as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino cadastradas no CadÚnico e em condições de vulnerabilidade socioeconômica. Com a ampliação do programa até o mês de dezembro, 421.308 famílias serão beneficiadas, alcançando 528.213 estudantes. O investimento no Bolsa Presença, que era de R$ 280 milhões inicialmente, passou para R$ 469 milhões com recursos próprios do Estado.

“O Bolsa Presença faz parte do Programa Estado Solidário e é uma das políticas de assistência estudantil que têm contribuído para ajudar as famílias e possibilitar que os seus filhos e filhas permaneçam na escola. E é com este objetivo que o programa foi ampliado até dezembro”, afirmou o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, ao lembrar que os recursos também movimentam a economia em todos os municípios do Estado.
Com a pandemia, a manicure Cássia Daniele de Almeida dos Santos, de Juazeiro, teve uma queda considerável na renda mensal. Dos três filhos, dois estudam no Colégio Estadual Lomanto Júnior e um no Helena Celestino. Ao receber os benefícios, Cássia já tem em mente o que comprar: feijão, arroz, alguma carne, materiais de higiene pessoal e limpeza doméstica.

“Estamos morando de favor em uma casa que foi do meu pai. A situação está bem difícil, o que vem salvando a gente é este benefício. Todo mês tem sido uma luta para nos mantermos. Estou grata porque, se não fosse por isso, a situação estaria ainda mais complicada”, relata a manicure.
A estudante Loane Mascarenhas Santos de Oliveira, 17 anos, estuda no Colégio Estadual Dalva Matos, em Salvador, e afirma que o benefício tem sido importante para a família. “Moro com mais cinco pessoas e nenhum de nós está com trabalho fixo. O Bolsa Presença ajuda nas despesas de casa. Sempre que recebemos o valor, vamos ao mercado comprar os produtos básicos de higiene e alimentação”.
A concessão do benefício está vinculada à assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar em que o aluno esteja matriculado; à participação obrigatória dos estudantes nas avaliações de aprendizagem promovidas pela unidade escolar, visando orientar o acompanhamento pedagógico; e à manutenção dos dados cadastrais atualizados na unidade escolar e de sua família no CadÚnico.
O programa tem o objetivo de estimular a permanência no processo de aprendizagem escolar dos estudantes da rede estadual, considerando as especificidades da educação contextualizada e inclusiva. O Governo do Estado ampliou a vigência e a concessão do Programa Bolsa Presença com a implantação da segunda etapa, de acordo com a Portaria nº 1.522/2021, publicada pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), no dia 30 de setembro, no Diário Oficial. A portaria estabelece que a segunda edição do programa terá a duração de três meses, com início em outubro e término em dezembro de 2021.

Veja o que abre e fecha em Lauro de Freitas no feriado de 12 de outubro

Na próxima terça-feira (12), é comemorado o dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. A data poderá se transformar em feriadão, já que algumas instituições vão somar a folga com o ponto facultativo na segunda-feira (11). No dia 12 também é comemorado o Dia das Crianças. Confira o que abre e fecha em Lauro de Freitas.

Parque Ecológico

O Parque Ecológico em Vilas do Atlântico, funcionará em esquema normal neste feriadão. O local abre de terça a domingo, das 9h às 17h.

Unidades de Saúde

As 16 Unidades de Saúde da Família estarão fechadas durante o feriadão. Os atendimentos serão retomados na quarta-feira (13). Já as Unidades de Pronto Atendimento Nelson Barros e Santo Amaro de Ipitanga,no Centro, UPA e UPA Pediátrica (Upinha) em   Itinga e Pronto Atendimento de Areia Branca seguem em esquema de plantão com atendimentos 24 horas. O SAMU 192 também pode ser acionado 24hs.

-PA de Areia Branca Tel: (71) 32918958

-PA Santo Amaro de Ipitanga (triagem para Covid19) Tel: (71) 3288 8805

-PA Nelson Barros Tel: (71) 3288-8801

– UPA (Itinga) Tel:  (71)3251-8110

– UPA Infantil (Upinha) (Itinga)

-Hospital Menandro de Faria Tel: (71) 3369-6800

-SAMU 192 – Serviço Móvel de Urgência

 
CIMU e Operação de Trânsito

Neste feriado todos os serviços do Centro Integrado de Mobilidade Urbana (CIMU) funcionarão 24h. O telefone para acionamento é o 156 e 3369-3710 ou 3379-4843. O órgão recebe denúncias de poluição sonora e ocorrência de trânsito.

 
SESP e Defesa Civil

Durante todo o período, as equipes da Secretaria de Serviços Públicos estarão atuando em esquema de plantão. A coleta domiciliar, os serviços de capinação e roçagem funcionarão normalmente, assim como a Defesa Civil que pode ser acionada 24h pelos números 199, 9983-6670 e pelo e-mail (defesacivil@laurodefreitas.ba.gov.br).

Guto faz pedido à torcida do Bahia para jogo contra o Palmeiras: ‘Incentive, vibre, empurre’

O Bahia venceu o Athletico Paranaense por 2 a 0 na noite do último sábado (9), na Arena da Baixada, e deu uma respirada fora da zona de rebaixamento. Mas ainda há muita luta pela frente. Após a partida, o técnico Guto Ferreira fez um pedido especial de apoio ao torcedor tricolor para o jogo contra o Palmeiras, na próxima terça-feira (12), na Arena Fonte Nova.

“Tenho que agradecer a confiança, que começou pela direção, mas foi endossada, segundo os amigos, nas redes sociais, pelo torcedor. Uma aceitação bastante grande. Então este tipo de situação nos deixa bastante feliz e nos dá confiança para poder tocar. E, mais do que nunca, num momento como esse, precisamos de você, torcedor, junto com a gente. A gente não tem como jogar sozinho, tendo a força que nós temos nas arquibancadas. No jogo do Palmeiras, que é a volta do torcedor, tem 15 mil lugares. Se eu conheço você, torcedor, tenho certeza de que não vai ficar ninguém fora, os 15 mil lugares vão ser ocupados. Venha e jogue junto. Não vai ser um jogo fácil, vai ser difícil. Mas pode ter certeza de que vamos nos entregar muito. Os jogadores vão se entregar muito. E eu preciso que você incentive, vibre, empurre, mesmo na hora do nervosismo. Acredite e empurre a nossa equipe”, disse.

Com histórico de bons resultados no comando do Esquadrão de Aço, o comandante reiterou a importância de um clima positivo para conseguir o principal objetivo, que é evitar a queda.

“É só mostrar a qualidade do grupo, o que eles conquistaram esse ano. Não é fácil fazer o que eles fizeram. É assumir responsabilidades, entrega e foco. É mostrar que eles tinham os ingredientes e um fazer pelo outro. Levantar o astral, deixar o ambiente leve, trazer energia positiva. Essa energia nós sentimos aqui dentro, o torcedor mudou a forma de pensar com nossa chegada e se manifestou nas redes sociais. Essa energia refletiu no campo. Temos que ter astral positivo, acreditando sempre. Vamos juntos, torcedor do Bahia”, indicou.

O jogo contra o Palmeiras será o primeiro após a flexibilização que liberou as torcidas nas arquibancadas. Com 30% de capacidade, a Arena Fonte Nova pode receber até 15 mil pessoas.

Prefeita e representantes da Educação realizam vistoria técnica nas escolas municipais de Lauro de Freitas

O retorno das aulas semipresenciais em Lauro de Freitas acontecerá em breve. Para garantir a segurança de alunos e professores, e analisar as condições do ambiente escolar, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) iniciou nesta sexta-feira (8) uma visita técnica às unidades, quando foram visitadas as escolas municipais: Dom Avelar Brandão Vilela, Enock Amaral, Vila Praiana e Gregório Pinto de Almeida.

Já neste sábado (09), foram visitadas as escolas Eurides Santana, Jacira Fernandes, Miguel Arraes e Anderson Palmeira. As vistorias estão sendo realizadas por uma comissão formada pela prefeita Moema Gramacho, representantes da Semed e da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), representantes da comunidade escolar (gestores e coordenadores), além do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Lauro de Freitas (Asprolf), e da comissão de educação da Câmara Municipal de Lauro de Freitas.

A prefeita Moema Gramacho explicou que o avanço da vacinação e a baixa ocupação dos leitos reacendem a esperança do início das aulas presenciais. “Portanto, iniciamos o processo para essa retomada, visitando as escolas para analisar aspectos como a higiene e a estrutura, para uma melhor qualidade de ensino. Vamos trabalhar diuturnamente para quando for definido o retorno das aulas, garantir que os estudantes serão acolhidos da melhor forma possível e com muita segurança”, destacou a gestora, antecipando que ainda há uma discussão sendo feita, mas inicialmente serão metade de alunos de forma presencial e metade estudando de casa, alternando de acordo com os dias da semana.

A Semed ainda não definiu o início das atividades escolares de forma presencial. Segundo a titular da pasta, Vânia Galvão, a pasta estuda uma data e, enquanto isso, a comissão intersetorial realiza ações e estuda formas de deixar a retomada mais segura para toda a comunidade escolar. Nesse sentido, a comissão idealizou um protocolo sanitário de segurança, que deve ser publicado no Diário Oficial do Município (DOM) em momento oportuno. “Como parte do processo de retomada, além das vistorias, estamos fazendo todo um trabalho de acolhimento com as famílias e professores, que já está acontecendo em várias unidades escolares”, contou. 

Atento ao ambiente escolar, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Rede Pública Municipal de Lauro de Freitas (Asprolf), Valdir Silva, comentou que o mais importante é de que a saúde seja priorizada. “Estamos analisando a questão de controle, demarcação dos pisos, álcool em gel e medidas para a não-aglomeração”.

O balanço dos dois dias de vistorias foi positivo e deixa a expectativa para o retorno dos alunos às unidades escolares ainda mais alta, de acordo com o presidente da comissão de educação na câmara, Edvaldo Ferreira, que também é educador. “O nosso propósito é garantir a segurança dos alunos e professores, no que diz respeito aos protocolos de saúde, para que eles voltem logo às aulas para recuperar o tempo perdido”.

 
 

Após críticas a veto contra distribuição de absorventes, governo agora diz que vai ‘trabalhar’ para viabilizar medida

O governo federal divulgou um posicionamento na noite de sexta-feira (8) no qual sinaliza que o veto à distribuição gratuita de absorventes para pessoas em situação de vulnerabilidade ainda não é um tema resolvido dentro da gestão Jair Bolsonaro.

Veto à distribuição de absorventes é ‘candidatíssimo’ a ser derrubado, diz Rodrigo Pacheco
Lideranças articulam apreciar veto de Bolsonaro à distribuição de absorventes após feriado

Em uma série de posts no Twitter, a Secretaria de Comunicação (Secom) listou argumentos para justificar o veto de Jair Bolsonaro, reforçando entre eles a falta de uma fonte de recursos “apropriada”.
Apesar disso, após a medida gerar reações em diversos setores da sociedade e inclusive já mobilizar o Congresso para derrubar o veto, a secretaria sinalizou que o governo pretende agir para “viabilizar a aplicação da medida”. Contudo, não deu detalhes de como isso seria feito.

“Apesar dos vetos, o Governo Federal irá trabalhar para viabilizar a aplicação dessa medida, respeitando as leis que envolvem o tema, para atender de forma adequada as necessidades dessa população”, escreveu a Secom na rede social.

Na sexta-feira, no Paraná, a ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), Damares Alves, defendeu veto de Bolsonaro e questionou: “a prioridade é a vacina ou é o absorvente?”. Para Carlos Lula, presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), a ministra colocou em discussão um “falso dilema”.


“O dilema posto é falso. Poderia ser cortado gastos com propaganda institucional, por exemplo. Mas nunca afirmar que o veto se dá porque não haveria recursos para vacinação. Isso não faz nenhum sentido”, disse Carlos Lula.



Congressistas articulam a derrubada do veto de Bolsonaro sobre à distribuição de absorventes

Pobreza menstrual: o que é?

O veto de Bolsonaro trouxe novamente ao debate o conceito de “pobreza menstrual” e a dificuldade de promover políticas públicas capazes de acolher estudantes de baixa renda de escolas públicas e pessoas em situação de rua ou de vulnerabilidade extrema.
Pobreza menstrual, de acordo com a Unicef, é a situação vivenciada por meninas e mulheres devido à falta de acesso a recursos, infraestrutura e conhecimento para que tenham plena capacidade de cuidar da sua menstruação.
De acordo com dados da Organização das Nações Unidas (ONU), no Brasil, 25% das meninas entre 12 e 19 anos deixaram de ir à aula alguma vez por não ter absorventes.
Na proposta, os itens básicos de higiene deveriam ser distribuídos para estudantes de baixa renda de escolas públicas e pessoas em situação de rua ou de vulnerabilidade extrema. Deveriam ser beneficiadas:

estudantes de baixa renda matriculadas em escolas da rede pública de ensino;
pessoas em situação de rua ou em situação de vulnerabilidade social extrema;
pessoas apreendidas e presidiárias, recolhidas em unidades do sistema penal; e
pessoas internadas em unidades para cumprimento de medida socioeducativa.


Na decisão do veto, Bolsonaro argumenta que o texto do projeto não estabeleceu fonte de custeio. O texto aprovado previa que o dinheiro viria dos recursos destinados pela União ao Sistema Único de Saúde (SUS) – e, no caso das presidiárias, do Fundo Penitenciário Nacional.

Bahia detecta mais 63 amostras da variante Delt

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) divulgou, neste sábado (09), a detecção por meio de sequenciamento genético de mais 63 amostras da variante Delta da Covid-19 no estado. Com esses novos registros, a Bahia tem, ao todo, 135 casos da variante, com dois óbitos.

Os novos casos foram identificados em pacientes residentes nos municípios de Baixa Grande, Bonito, Camaçari, Cruz das Almas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jaguaquara, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Porto Seguro, Remanso, Riachão do Jacuípe, Salvador, Santa Maria da Vitória, São Gonçalo dos Campos, Senhor do Bonfim, Sento Sé e Uauá.
Anteriormente, 72 casos com a variante Delta foram notificados em residentes dos municípios de Aporá, Baixa Grande, Barrocas, Bonito, Brumado, Camaçari, Canavieiras, Cícero Dantas, Conceição do Almeida, Coribe, Entre Rios, Feira de Santana, Ilhéus, Itabuna, Lauro de Freitas, Maracás e Nilo Peçanha, Maraú, Medeiros Neto, Muritiba, Nova Fátima, Pé de Serra, Prado, Riachão do Jacuípe, Salvador, São Gonçalo dos Campos, Sapeaçu, Senhor do Bonfim, Simões Filho, Teixeira de Freitas, Vereda, Vitória da Conquista, além de um tripulante de um navio ancorado em Salvador.

A diretora-geral do Lacen-BA, Arabela Leal, explica que “é importante destacar que estamos utilizando um protocolo novo, que não são de amostras aleatórias. Estamos concentrando atenção nas amostras provenientes de municípios com aumento do percentual de casos positivos ou que tenham casos anteriores da Delta”.
A secretária estadual da Saúde em exercício, Tereza Paim, ressalta que a principal medida para conter o avanço da Covid-19 e, por consequência, a variante Delta, é o avanço da vacinação. “É importante que as pessoas busquem as unidades de saúde para se vacinarem contra a doença, incluindo também a dose de reforço. Temos mais de 700 mil pessoas que não tomaram a segunda dose. O esquema completo de vacinação dá uma maior garantia de defesa contra a Covid-19”, afirma.
Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA analisou amostras de mais de 200 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde. O Lacen-BA já realizou cerca de 800 exames de sequenciamento genético do vírus da Covid-19.