Rádio Panorama FM 87,9

Comerciante espancada por policial e arrastada em via pública

13 de julho de 2020 – 13:32

Um vídeo gravado por moradores de Parelheiros e exibido pelo Fantástico, da TV Globo, no domingo (12/07), mostra uma mulher de 51 anos sendo agredida por um policial, que pisou na cabeça da vítima e ainda a arrastou por via pública. O caso ocorreu na cidade de São Paulo, em um bar, no dia 30 de maio. A situação teria ocorrido porque um um cliente estacionou o veículo com som em alto volume, enquanto consumia no local.

O homem foi detido pela PM e a mulher, que é dona do bar, interveio e foi defender o amigo. Viúva e mãe de 5 filhos, ela relatou que pedia ao policial para não bater mais no homem, que segundo ela, já estava desfalecido, e tinha tomado joelhadas no rosto.

Foi nesse momento que um segundo policial, que estava armado e abordando outras pessoas, se aproximou e empurrou a mulher contra uma grade. A vítima recebeu ainda três socos e foi derrubada com uma rasteira, onde fraturou a tíbia.

O vídeo não mostra esta parte da cena, mas na sequência, a mulher aparece deitada de bruços, no meio-fio, ao lado de um carro, com o PM pisando seu pescoço. Ele chega a apoiar todo o peso do corpo sobre a vítima.

Depois, o policial algema a mulher e a arrasta até a calçada. No relato, a comerciante diz que desmaiou quatro vezes e que se debatia, mas a violência não parava. “Quanto mais eu me debatia, mais ele apertava a botina no meu pescoço”, contou.

Ainda segundo a reportagem, os policiais alegaram que foram atacados com uma barra de ferro, e estavam se defendendo. Eles registraram um boletim de ocorrência por desacato, lesão corporal, desobediência e resistência.

A comerciante foi atendida num hospital com ferimentos no rosto, nas costas e com a perna quebrada. Depois, foi levada para uma delegacia, onde ficou detida até o dia seguinte. Os policiais militares foram afastados das funções e responderão a um inquérito.FacebookTwitterWhatsAppCompartilhar

Have your say